EMPREENDEDORISMO PÓS CRISE E COMO UM PLANO DE NEGÓCIOS PODE TE AJUDAR

Empreendedorismo pós crise e como um plano de negócios pode te ajudar

Priscilla Miranda

imagem contém um documento com algumas análises de possíveis negócios

Neste momento estamos passando por um cenário de crise por conta da pandemia de Covid-19, já que devemos manter o isolamento social. Com as medidas de quarentena houve um grande impacto na economia do nosso país..

O que temos agora é um imobilismo por grande parte dos empreendedores por conta das incertezas e do pessimismo, porém agora é o momento de se mover e não ficar para trás, pois com a crise algumas oportunidades surgiram nos negócios.

Por que o empreendedorismo é essencial na crise?

Com a crise muitos microempreendedores e donos de pequenas e médias empresas estão tendo que fechar as portas de seus negócios

Os pequenos empresários precisam ajustar suas produções e montar estratégias de crise, com isso a realização de um plano de negócios será de extrema importância, com metas, ações claras e indicadores de acompanhamento. Porém com a crise, aqueles que ainda não são empreendedores podem se antecipar e arriscar com algumas oportunidades que vem surgindo.

Um bom empreendedor vai contra o senso comum e vai enxergar além da crise, criando assim oportunidades de supera-la por meio de inovações e melhorias em seu negócio não somente necessárias para sua sobrevivência, mas também que tragam impacto positivo para o mercado

O setor que mais se beneficiou com o isolamento social foi o de e-commerce. A compra online já vem registrando crescimento contínuo há anos, mas a crise do Covid deixou este setor ainda mais em destaque, trazendo muita gente que jamais considerou a ideia de comprar pelo computador, já que estão presos dentro de casa e ainda assim querem ter o prazer de fazer alguma compra ou mesmo por necessidade.

Seguindo o mesmo raciocínio, quem também está se beneficiando neste momento são aqueles que investiram no delivery. Se a atividade de e-commerce cresce, o delivery cresce junto. Afinal, alguém precisa entregar o que você comprou de forma digital. Muitos restaurantes só não tiveram suas portas fechadas por terem investido no delivery e continuar atendendo seus clientes, além disso, neste período os aplicativos vêm aumentando o raio de distância, podendo trazer vários restaurantes e mercados para perto.

Agora também é o momento de ter total foco no marketing digital de sua empresa, pois as redes sociais abriram espaço para qualquer negócio se divulgar, por menor que seja. E é lá que estão os clientes, que querem interagir com suas marcas preferidas, ser ouvidos e consumir também. O mercado de marketing digital vem crescendo muito por conta disso, se tornando assim uma ótima opção de negócio, também. Em períodos de crise, muitos empresários freiam os investimentos em marketing, na busca por menos gastos. Pode ser uma necessidade, mas é um erro, pois é de suma importância fazer uma boa divulgação de sua marca nas redes sociais neste momento.

Por tanto, no cenário atual, o empreendedorismo se torna essencial não só para garantir o sucesso dos negócios, movimentando a economia do país como em outros momentos de crise, mas também como um meio de impactar positivamente a sociedade.

E por onde eu devo começar?

Com tantas empresas fechando e com redução em seu faturamento, fica claro a necessidade de organizar seu negócio durante a crise. Saber focar em coisas essenciais à sua sobrevivência, diminuir custos, entender o que os clientes esperam de seu negócio e descobrir como realizar melhorias no processo são coisas que farão diferença a longo prazo e são pontos necessários para que sua empresa sofra o menor dano possível com a crise e saia dela à frente do mercado. Isso abrange desde um possível aumento ou redução da produção, melhoria da eficiência de um processo e até a implementação de um novo e também a estruturação de algo novo, por exemplo.

Tais medidas são de extrema necessidade para garantir o lucro da empresa, possibilitando sua manutenção nesse cenário de pandemia. Porém, elas não envolvem somente um planejamento imediato para a crise, mas sim uma antecipação de problemas e mudanças que podem ocorrer ao fim da crise de Covid-19 e isolamento social no mercado brasileiro e que afetem seu negócio.

O mercado brasileiro com certeza está afetado com este cenário de pandemia, e com isso os hábitos de consumo estão mudando, não apenas os produtos que são consumidos, mas também a forma que são adquiridos (como citamos antes, o e-commerce).

Por isso, ter algumas inovações em mente que adaptem sua empresa a esse novo cenário vivido pelo mercado e criar novas formas de suprir a demanda dos clientes no contexto de isolamento social, são ações empreendedoras que podem beneficiar seu negócio e ao mesmo tempo atender às necessidades da população, impactando positivamente no mercado. 

E como o Plano de Negócios vai me ajudar?

Assim como falamos antes, o pensamento empreendedor requer a habilidade de se visualizar oportunidades mesmo em um momento aparentemente crítico. Com um auxílio de um plano de negócios para concretizar suas ideias, logo seu produto ou serviço melhorado, ou até mesmo novo, poderá ser colocada no mercado, movimentando a economia no pós crise e durante. Isso pode ser muito positivo não só no aspecto econômico, mas também para a sociedade como um todo.

O plano de negócios é uma importante ferramenta que contribui para a tomada de decisões estratégicas sobre o futuro do seu negócio, além de demonstrar a viabilidade financeira e comercial da empresa, o que será de extrema importância neste momento na hora de empreender e de colocar sua ideia no mercado. Além disso, se for necessário captar investimentos de terceiros, com certeza será solicitado um plano de negócios.

Ele  consiste em um documento que expressa os objetivos, quais passos precisam ser dados para que esses objetivos sejam obtidos, diminuindo os riscos e as incertezas. Um plano de negócios possibilita ao empreendedor reconhecer e limitar os erros enquanto estão no papel, ao invés de cometê-los no mercado.

Com um plano de negócios bem elaborado, será possível ter uma visão mais precisa de todos os elementos que influenciarão nas decisões a serem tomadas na sua empresa, permitindo uma maior compreensão sobre os recursos financeiros, humanos e tecnológicos necessários, à execução e ao sucesso dos propósitos traçados. E sempre incentivando a busca por informações mais detalhadas sobre o ramo do negócio, produtos, clientes, concorrentes, fornecedores e essencialmente os pontos fortes e fracos.

O plano de negócio precisa de todas as informações básicas e legais da empresa, passando por todos os dados de registro do negócio e da marca. Um plano de negócio completo trata também da estratégia por trás do negócio. Ele trata de onde se quer chegar e do caminho para chegar lá. As informações precisam ser consistentes, objetivas e com um propósito claro para o futuro do negócio.

O plano de negócios é dividido em 4 macro áreas, Plano de Marketing, Plano Operacional, Plano de Financeiro e Planejamento estratégico da empresa.

-Planejamento estratégico: Com ele você poderá entender de fato quais são seus objetivos e como alcançá-los.

-Plano de marketing: O plano de marketing irá traçar as estratégias de comercialização e promoções de seu negócio. Também é necessário realizar uma pesquisa de mercado para conhecer e avaliar quais ações têm sido realizadas pelos concorrentes, de forma a conhecer melhor o mercado em que se atua.

-Plano Operacional: Consiste na gestão e organização ou reorganização dos processos da empresa, a fim de otimizá-los e torná-los mais eficazes. A partir dessa análise, será possível identificar os possíveis pontos de melhorias, eliminar tempo, recursos, e gastos desnecessários.

-Plano Financeiro: Será determinado o total de recursos a serem investidos para que a empresa se mantenha funcionando, os gastos do negócio e a margem de segurança para sempre ter o caixa necessário se houver mudanças nos cenários econômicos, como por exemplo uma nova crise. O plano financeiro ajuda a manter todas as despesas sob controle, cortar os gastos que são desnecessários, mostrar como o dinheiro será gasto, ter informações fiéis e te auxiliar nas suas tomadas de decisões.

O que vai acontecer se eu não tiver um Plano de Negócios bem estruturado?

Qual é a probabilidade de sucesso de alavancar sua empresa com um Plano de Negócios? Seu negócio tem maior chance de se estabelecer se você investir no planejamento. Você construiria uma casa sem fazer uma planta? Você entraria num avião em que o piloto não sabe que rota seguir? Provavelmente a sua resposta será não, então por que no seu negócio seria diferente?  

Um Plano de Negócios é, provavelmente, o melhor investimento que um empreendedor pode fazer para o seu negócio.  O plano certamente aumenta, e muito, a probabilidade de sucesso do negócio.

Achou complicado? Para que Plano de Negócios saia da melhor forma, e para que você tenha todas as métricas necessárias para abrir seu negócio, é necessário contar com uma equipe especializada para realizá-lo. Desse modo, para garantir isso você pode contar com o nosso serviço de Plano de Negócios
Se ficou interessado, solicite um orçamento gratuito, nossos consultores ficariam felizes em te auxiliar.

Quem somos

Empresa Júnior desde 2011 atuando no mercado profissional com qualidade e capacidade de realizar projetos com alta performance e atender as necessidades de nossos clientes.

Horário de funcionamento

Segunda a sexta
10:00 – 18:00

Telefone

(11) 97694-5672

Acompanhe-nos

Rolar para o topo
Mande uma mensagem!
1
Conte como podemos te ajudar!
Olá!
Agora você pode falar com a EJEM, pelo WhatsApp.