Conheça as principais características do concreto reciclado

Evelyn Mendonça

Há um grande volume de resíduos descartados pela construção civil diariamente. Empresas responsáveis pelas obras procuram maneiras de descartar seus entulhos de forma sustentável, mas não é suficiente. Hoje em dia há uma estratégia muito mais eficaz ao meio ambiente: reciclagem do concreto.

De acordo com o Conselho Nacional do Meio Ambiente – CONAMA, é função de Municípios e do Distrito Federal a elaboração de um Plano Integrado de Gerenciamento de Resíduos da Construção Civil. A destinação correta dos resíduos é o fator decisivo para um plano ser exitoso.

No Brasil, há técnicas de reciclagem há 20 anos em desenvolvimento, porém só reciclamos cerca de 5% do entulho. Já temos registros de edifícios que utilizaram concreto reciclado em estados como Belo Horizonte, São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba. Essa iniciativa ainda pode evoluir muito, atingindo cada vez mais usuários. Para isso, devemos nos conscientizar do impacto do RDC (resíduos de construção e demolição).

Como funciona

Há uma coleta de fragmentos da construção civil, onde são quebrados em pedaços que não ultrapassam de 130 cm. São levados às centrais de reciclagem que efetuam a trituração, e então é transformada em uma mistura grossa de areia. Em seguida, é iniciada a etapa de reutilização do concreto reciclado. Para isso, ele é misturado ao agregado de concreto virgem, e utilizado para diversos trabalhos.

Há também a possibilidade do concreto ser reciclado fresco, através de um equipamento que lava e separa a brita dos demais materiais. Logo após já pode ser encaminhado para reuso.

 

“Além de ser uma opção mais sustentável o concreto reciclado é um material mais acessível, com preço até 30% menor que os demais. Também é mais forte e mais leve do que o agregado de concreto virgem. Consequentemente, os seus projetos podem contar com a redução de custos e, ainda, causar um impacto ambiental inferior. “

Vantagens

A contribuição para o meio ambiente é grande. Causa a diminuição da poluição gerada pelo entulho e suas consequências negativas como enchentes e assoreamento de rios e córregos. Deixa-se de extrair o montante de 1.560 mil m³ das reservas naturais de matéria-prima por ano, só no Município de São Paulo.

Além de ser uma opção mais sustentável o concreto reciclado é um material mais acessível, com preço até 30% menor que os demais. Também é mais forte e mais leve do que o agregado de concreto virgem. Consequentemente, os seus projetos podem contar com a redução de custos e, ainda, causar um impacto ambiental inferior. 

 

Onde pode ser utilizado?

O concreto reciclado tem sido muito utilizado em execução de aterros de inertes ou mesmo em concretos estruturais. Também é utilizado em pavimentação, confecção de argamassas, cascalhamento de estradas, preenchimento de vazios e valas.

A sua elasticidade, por exemplo, pode ser superior ao concreto convencional. A relação de água e cimento utilizados também deve ser reconsiderada. Há, assim, uma frente que defende o uso de 25% de concreto reciclado, aproximadamente, sem interferir nas propriedades.

ABRECON

A ABRECON é uma Associação brasileira para reciclagem de resíduos da construção civil e demolição. Trabalham como representantes do setor de reciclagem de entulho no aperfeiçoamento de projetos, leis e programa visando reutilizar e reciclar o resíduo gerado. Também representa o que há de mais avançado e inteligente na gestão dos resíduos da construção civil e demolição.

Incentivam a conscientização do descarte dos entulhos e proporciona a oportunidade de compra do concreto reciclável através de indicações de empresas parceiras. Também fornece cursos, palestras e workshops dando oportunidades de maior conhecimento sobre o assunto.

PISO VINÍLICO OU LAMINADO? SAIBA AS DIFERENÇAS

TECNOLOGIA NA CONSTRUÇÃO CIVIL: COMO UTILIZAR

ambiente de uma hamburgueria realizado por modelagem 3d

COMO A MODELAGEM 3D REVOLUCIONOU A ENGENHARIA CIVIL

Rolar para o topo