Analisando um processo produtivo

Analisando um processo produtivo

Julia Piller

Toda empresa possui algum processo dentro dela, independentemente de seu tamanho ou setor em que atua. O processo costuma ser a parte mais importante de qualquer negócio, pois é dele que tudo se desenvolve. Por isso, é importante que o mesmo seja bem controlado e analisado, análise essa que pode ser feita através de um Mapeamento de Processos.

Mas o que é um Mapeamento de Processos?

É uma forma ampla e bastante visual de enxergar como todo o processo produtivo de um empresa funciona. Através dele, podemos analisar como o fluxo de trabalho está organizado, se está sendo eficiente e se cumpre seu objetivo, podendo alterá-lo de acordo com a necessidade da empresa.

O Mapeamento de Processos pode ser realizado em qualquer tipo de empresa, seja ela comercial ou uma indústria, por exemplo. Essa ferramenta permite que todo o processo seja analisado separadamente, ou seja, cada parte do processo vai ser estudada individualmente. Isso possibilita um entendimento muito mais amplo da cadeia produtiva, podendo identificar possíveis problemas (que antes não eram facilmente encontrados.

Qual a importância de realizar um Mapeamento de Processos?

Essa ferramenta nos ajuda a identificar os problemas que estão ocorrendo dentro da empresa – e aqueles que podem vir a acontecer. Dentro de uma indústria, por exemplo, o mapeamento de processos nos permite identificar possíveis gargalos na produção – onde os produtos estão ficando parados e impossibilitando o andamento do processo. Podemos também analisar se em algum momento na produção os produtos estão apresentando defeitos, e se isso está sendo causado por alguma máquina ou por algum operador. Através dessa análise, podemos corrigir os erros e padronizar o processo para que não ocorram mais problemas.

Na parte administrativa das empresas, também é de grande utilidade a ferramenta, pois auxilia na visualização do fluxo das atividades, podemos ver como as etapas serão divididas e qual a melhor forma para isso.

Como o Mapeamento de Processos é feito?

O processo produtivo em questão é literalmente mapeado, separado em várias etapas menores para uma análise individual de cada uma delas. Tal mapeamento é feito por meio de um fluxograma, que vai mostrar cada etapa e o que acontece dentro dela.

Vale lembrar que o mapeamento de processos é muito importante para qualquer negócio – e não negócio! Você pode aplicá-lo em qualquer setor que desejar, pode ser na sua vida pessoal ou profissional. Ele vai te ajudar a ter um norte quando o assunto é analisar um processo e possivelmente encontrar um problema escondido. Também vai te guiar para achar as possíveis soluções para esse problema em questão. É importante que você faça um fluxograma do processo atual (com problemas) e do processo “ideal”, aquele resultante das melhorias aplicadas. Não hesite em aplicar essa ferramenta essencial em qualquer setor que desejar! Você vai notar o quanto ela pode te ajudar.

Depois dessas etapas de aplicação para um mapeamento de processos você já está apto para aplicá-lo na sua empresa ou em qualquer área da sua vida!

LEIA TAMBÉM


Indicadores financeiros para melhorar o desempenho da sua empresa

TÍTULO DO TEXTO

TÍTULO DO TEXTO


Quem somos

Clique no botão de edição para alterar esse texto. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.

Horário de funcionamento

Segunda a sexta
10:00 – 18:00

Dúvidas frequentes

Telefone

(11) 2766-7327

Acompanhe-nos


Facebook


Instagram

Rolar para o topo
Mande uma mensagem!
1
Conte como podemos te ajudar!
Olá!
Agora você pode falar com a EJEM, pelo WhatsApp.